NanoCleanLeather - desenvolvimento de pele natural com propriedades de limpeza melhorada

A Couro Azul, no âmbito do projeto NanoCleanLeather, desenvolveu pele natural com propriedades de limpeza melhorada - anti-soiling ou self-cleaning – destinada ao interior automóvel, ferroviário e aeronáutico. Desta forma é assegurada uma higienização superior e a consequente minimização dos procedimentos e materiais de limpeza gastos no processo, o que permitiu induzir uma diminuição do impacto ambiental e económico gerado

 

Síntese do projeto

O projeto teve como objetivo a investigação e desenvolvimento de pele natural com propriedades de limpeza melhorada - anti-soiling ou self-cleaning - destinada ao interior automóvel, com recurso a aditivos nanoestruturados. Pretende-se ainda que estas melhorias permitam a utilização pioneira de nubuck e camurça na indústria dos transportes.

O projeto Nanocleanleather propôsse a desenvolver couro com propriedades repelentes à sujidade e de auto-limpeza para o setor automóvel (especificamente capas de assento, volantes, painéis e painéis das portas) usando aditivos nanoestruturados.

As principais linhas de investigação foram:

1- Síntese de aditivos para propriedades anti-soiling, designadamente nanopartículas de sílica funcionalizadas com flúor, que assegurem elevada rugosidade e reduzida energia superficial;

2-Síntese de aditivos para propriedades self-cleaning, designadamente nanocompósitos de sílica e dióxido de titânio, que assegurem a degradação de contaminantes por ação fotocatalítica;

3-Investigação de processos para incorporação de aditivos nanoestruturados em pele natural, para obtenção de propriedades anti-soiling ou self-cleaning, que potenciem um elevado desempenho (e uma durabilidade satisfatória) das funcionalidades, bem como a manutenção do aspeto natural do couro.

As formulações existentes para conferir propriedades anti-soiling à pele apresentam limitações ao nível do desempenho, durabilidade e alteração do seu aspeto natural. Os aditivos sintetizados, bem como os processos de incorporação, foram selecionados de modo a garantir melhorias em termos da limpeza e assegurar a manutenção das credenciais de estética e conforto caraterísticas da pele natural.

 

Promotores

O consórcio do projeto NanoCleanLeather é constituído por três entidades, a empresa Couro Azul, e duas entidades do SI&I (Sistema Nacional de Investigação e Inovação): CTIC - Centro Tecnológico das Indústrias do Couro  e CENTITVC – Centro de Nanotecnologia e Materiais Técnicos Funcionais e Inteligentes.

 

Apoio

O projeto NanoCleanLeather foi cofinanciado pelo COMPETE 2020 no âmbito do Sistema de Incentivos à I&DT (Investigação e Desenvolvimento Tecnológico), na vertente de co-promoção, com um investimento elegível de 459 mil euros, correspondendo a um incentivo FEDER de cerca de 330 mil euros.

 

Conheça o projeto nos artigos:

> Já ouviu falar do projeto NANOCLEANLEATHER?

> Couro Azul desenvolve pele natural com propriedades de limpeza melhorada

 

14/01/2020 , Por COMPETE 2020